Olhos da Floresta



OLHOS DA FLORESTA

Eu olhei nos teu olhos e fiquei pensando
Você me pegou
Eu não tinha noção do quanto estava perdido
De repente comecei entender
Você não é um horizonte,
Eu vi uma floresta, não há ponte
É apenas um desejo
Eu olhei nos teus olhos e fiquei voando
Saí de nós e fui às estrelas
Quase disse não
Mas esse seu jeito misterioso
Essa floresta me chama
Esse jeito dengoso me assanha
Com mil idéias quis me perder em você
Sem bussola, sem medo
Sem segredo, tive mil inventos
No fim a descoberta meu medo
Era você.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

E SE JESUS FOSSE NEOPENTECOSTAL?

baseado nos escritos de Salomão